Conhecer o Mercado de Trabalho

Um dos maiores desafios que um profissional enfrenta na sua pesquisa de emprego é sem dúvida conhecer de forma estratégica o mercado de trabalho onde pretende criar oportunidades profissionais. Nas minhas sessões de carreira esta é a actividade em que os profissionais mais demonstram resistência na assimilação e até de compromisso com o processo, independentemente da sua nacionalidade ou nível de experiência.

A experiência diz-me que a maior dificuldade reside no facto de ao conhecimento do mercado de trabalho estar subjacente a necessidade de se aprofundar conhecimento suficiente para se identificar principais sectores de actividade e segmentar estrategicamente o mercado, bem como ser capaz de desenvolver hábitos sistematizados de pesquisa de organizações e potenciais contactos profissionais, quer na principal rede social, o LinkedIn, como também através dos motores de busca.

Continuar a ler Conhecer o Mercado de Trabalho

Para onde foram todos?

Alexandre Debieve foto

Nada como uma “boa” pandemia para vermos quem se aguenta nas “canetas”. Para onde foram os Happiness Managers do mercado português, os HR Believers que tinham tanto para nos ensinar sobre as novas práticas dos recursos humanos, os Business Provocateurs que sabiam tudo dos modelos de negócio para o século XXI, os People Hackers que eram peritos em motivar pessoas e equipas e também os World Changers, esses sim, verdadeiros pioneiros da mudança mundial. Pergunto para onde foram todos?

Nada como uma “boa” pandemia para vermos quem fica no barco quando as ondas da mudança se tornam em vagas do Apocalipse. Parece que ficaram apenas os Técnicos de Recursos Humanos, os Vendedores e os Empresários do lápis e papel. Ficaram porque no fim do dia quem paga as contas, os salários e as aspirações de muita gente fútil cujo título não consegue esconder a ausência de profundidade intelectual, são os tais merceeiros e gente sem capacidade para ser trendy!

Trendies agora é sério! Não é para quem brinca às profissões!